Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Corrupção agrava crise na zona do euro, diz ONG Transparência Internacional

Brasília - A corrupção e a falta de transparência na Europa, principalmente em alguns países da zona do euro, agravam os impactos da crise econômica internacional, avaliou a organização não governamental (ONG) Transparência Internacional em relatório divulgado hoje (6) em Bruxelas, na Bélgica. Para a ONG, a situação é mais grave na Grécia, Itália, em Portugal e na Espanha .

'Nesses países, a corrupção consiste com frequência em prática legais, mas pouco éticas, resultado de regras de lobby opacas, tráfico de influência e relações muito estreitas entre o setor público e o privado', diz o relatório denominado Dinheiro, Poder e Política: Os Riscos da Corrupção na Europa.

No relatório, a organização denuncia a falta de transparência na tomada de decisões e no financiamento de partidos políticos. Dos 25 países analisados, 19 ainda não dispõem de normas para regular as atividades de lobby e apenas dez proíbem completamente o financiamento não declarado de partidos políticos.

A ONG apela para que os parlamentares europeus reforcem a transparência das atividades de lobby e de financiamento das campanhas eleitorais. 'Na Europa, o número de instituições que caracterizam uma democracia e permitem a um país lutar contra a corrupção é mais frágil do que imaginamos', disse o diretor da Transparência Internacional, Cobus de Swardt. 'Esse relatório expõe questões preocupantes em um momento em que a Europa necessita de uma cultura política de transparência para sair da crise econômica'.

O documento menciona ainda pesquisas de opinião pública que mostram que a preocupação com corrupção predomina entre os europeus. No estudo, a ONG identificou apenas três países que protegem os cidadãos que denunciam casos de corrupção.

A Dinamarca, Suécia e Noruega são os países que mais se protegem contra a corrupção. Porém, em 20 países europeus existem vários obstáculos para que as pessoas possam acessar informações de caráter público.

*Com informações da emissora pública de rádio, RFI//Edição: Graça Adjuto

Agência Brasil - Todos os direitos reservados.


Brasil Progresso :

Corrupção é o mal do mundo. Agentes públicos políticos e administrativos se coadunam com lobistas, narcotraficantes e outras corjas.

This work is licensed under a Creative Commons license.

Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..