Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

ENTROU NO AR O "MENSALINHO", PARA DESESPERO DOS DEPUTADOS !!

O "Mensalinho" é um programa robot que atualiza diariamente os gastos dos deputados da Câmara Federal. Ficou muito fácil consultar como os parlamentares estão gastando a "bufunfa do cotão". Ela já foi chamada de Verba Indenizatória e virou Cota para Exercício da Atividade Parlamentar, verdadeira mesada de uns 30 mil como no fajuto Mensalão.

O Mensalinho acolhe todo mundo. Destina-se a aliviar o desamparo dos parlamentares, indenizando-os pelo supremo sacrifício de encarar as bases. Remunera maquinação eleitoral e necessidade fisiológica como se fossem trabalho legislativo. Comer, dormir, zanzar em carrões alugados, aviões, táxis aéreos, barcos, pagar cafezinho, pedágio, descolar consultorias imaginárias, espairecer nas montanhas, assinar gibi, cagar em banheiro público, berrar em megafones, são contas da esfera do mensalinho.


Pegue um ladrão clicando no MENSALINHO e depois não deixe de clicar nos rótulos da barra horizontal para melhor usufruir dos recursos.

Movimento 31 de Julho: ENTROU NO AR O "MENSALINHO", PARA DESESPERO DOS DEPUTADOS !!

Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..