Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

sábado, 1 de fevereiro de 2014

O beijo gay de Félix e “carneirinho”, e as perseguições religiosas

imageBrasil Progresso – O beijo gay causou repercussões nas redes sociais, em blogs e site. Para alguns evangélicos foi abominação, para os gays a liberdade de manifestarem suas emoções.

O que me choca é ver enxurradas de frases bíblicas – diga-se do velho testamento – colocadas por fanáticos para condenar os gays. A bíblia, então, é o código da vida em que o ser humano deve seguir? Se afirmativo, então como será a vida da mulher brasileira? Aos machistas de plantão dirão que é um sagrado direito, pois o antigo testamento permite apedrejar a mulher adúltera em praça pública.

E o que dizer sobre a diversidade religiosa?

Capítulo 13

“6.Se teu irmão, filho de tua mãe, ou teu filho, tua filha, a mulher que repousa no teu seio, ou o amigo a quem amas como a ti mesmo, tentar seduzir-te, dizendo em segredo: Vamos servir outros deuses – deuses desconhecidos de ti' e de teus pais,
7.ou deuses das nações próximas ou distantes que estão em torno de ti, de uma extremidade da terra a outra -,
8.tu não lhe cederás no que te disser, nem o ouvirás. Teu olho não terá compaixão dele, não o pouparás e não ocultarás o seu crime.
9.Tens, ao contrário, o dever de matá-lo: serás o primeiro a levantar a mão para matá-lo, e a levantará em
seguida o povo.”

 

E quando a criança for problemática?

Capítulo 21

“18.Se um homem tiver um filho indócil e rebelde, que não atenda às ordens de seu pai nem de sua mãe, permanecendo insensível às suas correções,
19.seu pai e sua mãe tomá-lo-ão e o levarão aos anciães da cidade à porta da localidade onde habitam,
20.e lhes dirão: este nosso filho é indócil e rebelde; não nos ouve, e vive na embriaguez e na dissolução.
21.Então, todos os homens da cidade o apedrejarão até que ele morra. Assim, tirarás o mal do meio de ti, e todo o Israel, ao sabê-lo, será possuído de temor.”

Sobre o cometimento de adultério?

Capítulo 22

“22.Se se encontrar um homem dormindo com uma mulher casada, todos os dois deverão morrer: o homem que dormiu com a mulher, e esta da mesma forma. Assim, tirarás o mal do meio de ti.”

E se houver estupro?

Capítulo 22

“Se uma virgem se tiver casado, e um homem, encontrando-a na cidade, dormir com ela,
24.conduzireis um e outro à porta da cidade e os apedrejareis até que morram: a donzela, porque, estando na cidade, não gritou, e o homem por ter violado a mulher do seu próximo. Assim, tirarás o mal do meio de ti”

E sobre sacrifícios?

Capítulo 2

“21.Completados que foram os oito dias para ser circuncidado o menino, foi-lhe posto o nome de Jesus, como lhe tinha chamado o anjo, antes de ser concebido no seio materno.
22.Concluídos os dias da sua purificação segundo a Lei de Moisés, levaram-no a Jerusalém para o apresentar
ao Senhor,
23.conforme o que está escrito na lei do Senhor: Todo primogênito do sexo masculino será consagrado ao Senhor (Ex 13,2);
24.e para oferecerem o sacrifício prescrito pela lei do Senhor, um par de rolas ou dois pombinhos.”.

O que se vê é a nítida projeção dos que acusam, perseguem. É o ego se defendendo e lançando aos outros suas próprias culpas “pecaminosas”. De outra maneira, os que são “agraciados” por Deus passam a ser os condutores de rebanhos lançando conceitos persuasivos aos que estavam “desviados” da luz. Assim, os que em seus íntimos se culpam pelo passado, agora seguram a tábua da salvação. De sofredores, por suas próprias condutas, agora professam condenações aos que são, como reflexos do passado dos que ainda não estavam “convertidos”.

Não quero dizer com isto que se deve desprezar a bíblia, ou qualquer código religioso, mas não se pode mais justificar o injustificável. O próprio Jesus jamais condenou os gays, e muito menos as prostitutas quando disse “quem tiver pecado que atire a primeira pedra”? Jesus transmitiu a paz, o amor universal, o reino dos céus através do amor, e não através da guerra, como queria Barbarás.

Infelizmente há os que sabem sobre psicologia comportamental e trabalham para influenciar multidões de pessoas aflitivas por suas próprias condutas de risco  e de descaso– álcool em excesso, copular sem preservativo, agir com truculência quando forte ou quando em grupo, abuso de autoridade, apatia aos sentimentos amorosos de outra pessoa. Quando exauridas em suas forças física e emocional, quando alguma doença surge pelas próprias negligências – hábitos alimentares, higiene – se desesperam e querem ser “salvas”. Convertidas passam a pregar a solução para tudo e todos, mas ao mesmo tempo perseguem os causadores das desordens sociais e espirituais. Na verdade, a perseguição que se faz é a perseguição íntima do “ex-pecaminoso”, pois a consciência é o juiz supremo e incansável.

 

É, o mundo se arma através das armas dos corações humanos”"!

Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..