Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Abaixo-assinado para diminuir os salários (subsídios) dos agentes políticos

Brasil Progresso – O Brasil pode mudar, quando há participação direta do povo, neste caso, criações de petições públicas online. Há vários sites especializados disponibilizados aos cidadãos. Qualquer um pode criar uma petição para qualquer reivindicação de direitos Constitucionais. Não há desculpas de não ser cidadão participativo:  “não tenho tempo para ir em manifestações”. Há a possibilidade de agir criando petições e mostrar aos amigos, para assinarem.

Abaixo, um abaixo-assinado para propor redução salarial (subsídio)dos agentes políticos. Nada mais justo diante da realidade brasileira cujos detentores de direitos soberanos, o povo [os não agentes políticos] vivem das migalhas de seus representantes democráticos, os agentes políticos. A realidade é amarga e visível, pois milhões de brasileiros tentam sobreviver com o Bolsa Família, um tapa boca diante das potencialidades que o Brasil produz, mas vai para o exterior [exportação] ou vão parar em Brasília, o berço do Estado absolutista moderno.

Sou administrador e vejo que os brasileiros querem mudanças. Defendo que nosso país deixe de pagar salários tão altos a deputados e senadores. Criei este abaixo-assinado para exigir que os parlamentares do Congresso não recebam aumento salarial.

Clique se você concorda que os deputados e senadores já ganham um salário alto

O salário de um senador ou deputado é de R$ 26.700, muito alto e acima da média de vários outros países. O trabalho deles é importante, mas o valor atual já é apropriado e não precisa de aumento.

O salário mínimo brasileiro é de R$ 724. O salário recebido por um congressista é quase 37 vezes maior que o mínimo, o que é desrespeitoso com a população, cuja grande parte vive com pouco mais de um mínimo.

Clique e assine para dizer não ao aumento de salário dos parlamentares

As coisas só vão melhorar no Brasil com mais igualdade de oportunidades. Não tenho contato com políticos, e não tenho interesse em ter. Quase todos eles têm rabo preso, e eu quero manter essa petição um movimento da sociedade e isento de preferências políticas.

Nossa exigência é apenas uma: congressistas, não aumentem seus salários.

Obrigado,

Leonardo

This work is licensed under a Creative Commons Attribution Non-commercial No Derivatives license.Permissões além do escopo desta licença Creative Commods 3.0 podem estar disponíveis em: http://www.transitoescola.net A cópia é permitida desde que cite este site / blog (colocar URL). A não ser de fontes replicadas, que podem ser modificadas, comercializadas, de acordo com suas respectivas licenças.

Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..