Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Lulinha ensina o que é meritocracia Made in Brazil

 

image

Brasil Progresso – O filho do ex-presidente da República conquistou fortuna graças ao seu desempenho. O pai o defende pela meritocracia. Com apenas R$ 600,00 por mês, Lulinha se tornou num dos homens mais ricos do Brasil.

O pai se sente orgulho pelo esforço do filho, já que o próprio pai também tinha muito pouco antes de ser presidente da República. Lula conseguiu fortuna graças às palestras ensinando justiça e progresso. Lulinha, por sua vez, seguiu os passos do pai: esforço e fé conseguem fazer verdadeiros milagres.

Lulinha pretende lançar uma autobiografia sobre seu sucesso, de forma que o povo brasileiro possa superar a crise econômica desencadeada pelo PT.

Revisão do piso salarial nacional

Diante do fato, os parlamentares pretendem revisar o piso salarial nacional. Para os deputados, R$ 600,00 deveria ser o novo piso salarial porque estimularia o povo a trabalhar mais ainda. Além disso, reduzindo o piso salarial nacional, o Governo Federal teria como cobrir o rombo nas contas públicas.

Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..