Nossos livros digitais: Direito do consumidor, sociologia, política etc. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria.


POLÍCIA FEDERAL: SAIBA COMO DENUNCIAR. ACESSE AQUI.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

As artimanhas políticas para se eleger

Brasil Progresso - Promessas políticas durante campanhas eleitorais. Vale tudo, até dizer que é de outro planeta, e que veio salvar a Terra. As mentiras são criativas, as intenções diabólicas. Alguns políticos dizem que no seu partido não tem ficha suja - em relação à Ficha Limpa -, mas faz coligações com ex-ficha suja; outros dizem que lutaram com unhas e dentes contra os partidos políticos que lesaram à Pátria, mas no final se unem.


As discrepâncias entre falar e fazer são absurdas, o que comprova o nível de caráter de nossos políticos. Manter uma ideologia, mesmo que se perca eleição, é honrado. A mentida não tem vez [Immanuel Kant], ninguém tem o direito de ludibriar quem quer que seja. Omitir certa informação é razoavelmente permitida, porém, para a política, jamais. Entra a dignidade humana plena, já que qualquer ato de roubalheira aos cofres públicos lesam centena de milhares de brasileiros, muito mais do que confrontos policiais.

Nessa questão, de confronto entre policiais e traficantes, o resultado disto são as décadas de roubalheiras, dos políticos, e seus descasos com os direitos humanos [direitos civis, políticos, sociais, culturais e econômicos] dos brasileiros considerados párias: classes sociais mais baixas; os afrodescendentes; os nordestinos. Impera, infelizmente, no Brasil, o 'sangue azul'. Só que, pasmem, quem se acha 'sangue azul' não tem este sangue 'nobre' — se é que nunca existiu, apenas uma defesa ao complexo de inferioridade; Alfred Adler explica. Ou seja, uma máquina antropofágica. Quem está nas camadas sociais baixas tenta se elevar, mas sabe lá como; quem está nas camadas sociais altas, lutam, e entre si, para se manterem no topo. É a disputa antropofágica pela manutenção, ou elevação, de um condição social. Não é o puro status, mas o que ele pode trazer de bom, como qualidade de vida.

Seja como for, enquanto vigorar essa máquina antropofágica, nada mudará.



Imprima ou salve em PDF

Sobre o Autor:
Humanista que contribui para a efetiva aplicação do artigo 3°, da CF/1988; (objetivos fundamentais), do artigo 5°, da CF; (Direitos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana), do artigo 37 (princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; principalmente sobre a moralidade administrativa) da Constituição Federal de 1988; e Tratados Internacionais sobre Direitos Humanos e Garantias Fundamentais da Pessoa Humana dos quais o Brasil é signatário. NÃO HÁ DIGNIDADE HUMANA NUMA NAÇÃO QUANDO A MAIORIA DO POVO NÃO TEM QUALIDADE DE VIDA SEJA POR: SALÁRIO MÍNIMO QUE NÃO ATENDE AS NECESSIDADES BÁSICAS (art. 7°, IV, da CF); ESCASSEZ OU AUSÊNCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA (art. 144, da CF); SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES (LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995); IMORALIDADE DOS AGENTES POLÍTICOS (LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992); DOENÇAS PROVOCADAS POR PRECARIEDADE NA INFRAESTRUTURA DE SANEAMENTO BÁSICO (LEI Nº 11.445, DE 5 DE JANEIRO DE 2007); OMISSÃO, NEGLIGÊNCIA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS QUANTO AO USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NA ALIMENTAÇÃO HUMANA (LEI Nº 7.802, DE 11 DE JULHO DE 1989); VOTAÇÃO SECRETA DE PARLAMENTARES PARA ABSOLVER AGENTE POLÍTICO CORRUPTO..